4 fatos sobre ‘Hotel California’, hit dos Eagles, que você (provavelmente) não sabia

“Hotel California”, do Eagles, pode ser considerada uma das músicas mais famosas da história do rock. Faixa-título do disco da banda lançado em 1976, a canção carrega diversos fatos curiosos. As informações são do site UCR.
Pela popularidade da música, “Hotel California” teve um grande impacto cultural, mas muitos fatos sobre a canção não são tão conhecidos – tanto quando se trata da criação da faixa quanto dos acontecimentos posteriores ao lançamento.
Confira 4 fatos que você (provavelmente) não sabia sobre o hit do Eagles:

Teorias da Conspiração sobre significado

O significado da canção sempre foi uma questão de debate no universo musical. A banda Eagles argumenta que a música é uma metáfora sobre a vida materialista e a riqueza da Califórnia. Contudo, os fãs têm outras teorias.
Alguns acreditam que um hotel de verdade poderia ter sido usado como inspiração. Outros fãs pensam que a canção se baseou em hospitais psiquiátricos, na mansão de Aleister Crowley na Escócia até na Mansão Playboy, em Los Angeles.

Título inicial

Em entrevista o programa de rádio Ultimate Classic Rock Nights, Don Felder falou sobre o momento no qual apresentou a música a Don Henley: “Henley voltou e disse que realmente gostava daquela música, e ele meio que a apelidou de ‘Reggae mexicano'”.
Segundo Felder, ele aprovou o nome inicial na época: “Eu disse, ‘Oh, ok.’ Reggae mexicano.’Isso soa bem para mim.”

Don Felder não achou que seria um hit

Na época do lançamento do hit, a maioria dos sucessos de rádio tinham cerca de três minutos. Por isso, Don Felder pensou que “Hotel California” não seria um sucesso. Em entrevista ao MusicRadar, o músico explicou:
“‘Hotel California’ tem seis minutos, a introdução tem um minuto de duração, ela para no meio sem bateria e você tem um solo de guitarra de dois minutos no final. É o formato totalmente errado para um single.”

Uso do termo “Hotel California”

Após o sucesso da canção, o termo “Hotel California” passou a ser utilizado para falar sobre situações das quais, aparentemente, não se pode escapar. Um exemplo de uso foi quando o Reino Unido organizou a saída oficial da União Europeia.
Alguns defendiam que o Reino Unido saísse com o “modelo Hotel California”, no qual a Grã-Bretanha “poderia verificar formalmente o sindicato, mas permaneceria financeiramente envolvida,” conforme explicou o site UCR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>