A BRUXA – DEFENDENDO O FILME AMADO E ODIADO POR MUITOS